“MAD MAX – Estrada da Fúria” é o filme mais pirateado pela internet no verão americano

Charlize Theron

Um estudo feito pela empresa de rastreamento de pirataria Excipio identificou e listou os filmes mais pirateados na internet dos EUA e de todo o mundo durante o verão norte-americano deste ano. Mad Max – Estrada da Fúria, filme pós-apocalíptico dirigido pelo australiano George Miller, teve excelente repercussão na crítica especializada, como se sabe. Mas não obteve números tão superlativos assim nas bilheterias dos cinemas – apesar do filme estar, claro, muito longe de ser considerado um fracasso comercial.

Lançado nos cinemas em maio desse ano, Mad Max – Estrada da Fúria ocupa por enquanto apenas o 9º lugar no ranking de bilheteria dos filmes de verão nos cinemas nos EUA (14º lugar no mundo). Ao mesmo tempo, sobe para o topo da lista no ranking de filmes mais pirateados no mesmo período, tanto nos EUA quanto no planeta inteiro.

 

Os 5 filmes mais pirateados no verão de 2015 em todo o mundo: 

Mad Max Fury Road movie poster1º Mad Max – Estrada da Fúria, com 22,9 milhões de dowloads ilegais (14º lugar nas bilheterias dos cinemas)

2º Jurassic World, com 18,2 milhões de dowloads ilegais (1º lugar nas bilheterias)

3º Vingadores 2 – Era de Ultron, com 15,9 milhões de downloads ilegais (3º lugar nas bilheterias)

4º A série Divergente – Insurgente, com 14,5 milhões de downloads ilegais (18º lugar nas bilheterias)

5º O Exterminador do Futuro 5 – Gênesis, com 13,9 milhões de downloads ilegais (11º lugar nas bilheterias dos cinemas)

Somente esses 5 filmes foram baixados em websites de torrents ilegais em todo mundo cerca de 85 milhões de vezes. Isso representa um salto de 29% sobre os 66 milhões de downloads ilegais dos cinco filmes mais pirateados no ano passado. Em 2014, o filme “campeão” de pirataria foi Capitão América 2 – O Soldado Invernal.

 

Mas por que a pirataria na internet cresceu tanto esse ano?

Pirataria na internetOs estúdios especulam que o fato de 2015 ser um ano de grande quantidade de filmes com potencial para serem blockbusters nos cinemas colaborou para que a pirataria na internet também aumentasse em relação a 2014. Isso porque no ano passado o número de filmes com alto apelo popular não era tão grande como nesse ano. Porém, mesmo com um aumento de quase 30% na pirataria pela internet, os estúdios não têm do que se queixar: somente a bilheteria dos cinemas dos EUA para o verão de 2015 foi a segunda maior da história. Foram quase 4,5 bilhões de dólares de receita para a indústria cinematográfica – sendo que três filmes superaram a marca de Um Bilhão de Dólares na bilheteria mundial, o que nunca havia acontecido antes.

Considerando apenas os downloads ilegais feitos nos EUA, a lista dos cinco filmes mais pirateados muda muito pouco. A única alteração é a entrada da comédia Ted 2 no lugar de Terminator: Genisys. Os dois líderes são os mesmos: Mad Max 4 com 1,750 milhões de downloads ilegais, e Jurassic World vindo a seguir com cerca de 1,210 milhões.

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário