“Ausência” leva os prêmios de Melhor Filme, Direção e Roteiro no Festival de Gramado 2015

O drama “Ausência”, do diretor Chico Teixeira, foi o filme mais premiado com o Kikito de Ouro no 43º Festival de Cinema de Gramado, que ocorreu na primeira quinzena de agosto na serra gaúcha. O longa retrata diversos aspectos do cotidiano de um adolescente em sua fase de transição – aquela em que o jovem já deixou de ser criança mas ainda não é um homem feito – evidenciando situações como o papel de “homem da casa” (onde mora com a mãe e o irmão mais novo), o trabalho precoce, as amizades e o começo da descoberta de sua sexualidade.

Ausência” recebeu três dos principais prêmios do festival entre os longas nacionais: Melhor Filme, Melhor Direção e Melhor Roteiro (este escrito por Teixeira e também por Sabrina Anzuategui e César Turim). O filme também foi premiado pela Melhor Trilha Sonora, para o compositor Alexandre Kassin.

“Ausência”, filme vencedor do Festival de Gramado 2015

O “Prêmio do Júri” – uma espécie de segundo colocado do festival – foi outro filme de destaque e que no total também ganhou quatro prêmios: “O Último Cine Drive-In“, com direção de Iberê Carvalho, recebeu também os prêmios de Melhor Ator (para Breno Nina), Melhor Atriz Coadjuvante (para Fernanda Rocha) e Melhor Direção de Arte (para Maíra Carvalho). Assim como o vencedor na categoria principal, também é um drama, que traz a estória de um jovem operário – chamado Marlombrando – que para levar sua mãe para fazer um exame médico em Brasília, precisa reencontrar seu pai, que não vê há muitos anos – o nome do filme vem do fato do pai ser dono de um cine Drive-in na capital federal.

Merecem destaque também “O Outro Lado do Paraíso”, de André Ristum, que foi eleito o melhor filme pelo Júri Popular, e para o longa “Um Homem Só“, que ganhou três prêmios: Melhor Atriz para Mariana Ximenes, Melhor Ator Coadjuvante para Otávio Muller e Melhor Fotografia.

a atriz Marília Pêra

Mesmo com  a distribuição dos filmes acima citados, o filme mais elogiado do evento foi “Que Horas Ela Volta?“, da diretora Anna Muylaert – no entanto, o filme foi retirado da competição por contrariar uma norma do festival, que determina que “o filme não pode ter exibição comercial durante o evento”, sendo que o filme teve uma pré-estreia no dia 11 de agosto em São Paulo – no entanto, Gramado aceita filmes que já foram exibidos em outros festivais do país ou do exterior.

Com carreiras consagradas, a atriz Marília Pêra, o diretor Daniel Filho, o produtor Zelito Viana e o diretor e produtor argentino Fernando Solanas foram os homenageados da edição deste ano do festival.

O filme “Ausência” terá sua estréia em circuito comercial no Brasil em 26 de novembro desse ano. Já “O outro lado do paraíso” estréia antes, em 24 de setembro, e “O último cine Drive-In” já está em cartaz nos cinemas brasileiros desde o último dia 20 de agosto.


 

Confira abaixo a lista completa de prêmios entregues no

43º Festival de cinema de Gramado:

 

PRÊMIOS PRINCIPAIS – LONGAS BRASILEIROS


KIKITO DE OURO: “Ausência” (Chico Teixeira)

JÚRI POPULAR: “O Outro lado do paraíso” (André Ristum)

Festival de Gramado 2015
a atriz Mariana Ximenes

PRÊMIO DO JÚRI: “O Último Cine Drive-In” (Iberê Carvalho)

MELHOR DIRETOR: Chico Teixeira (“Ausência”)

MELHOR ATOR: Breno Nina (“O Último Cine Drive-In”)

MELHOR ATRIZ: Mariana Ximenes (“Um Homem Só”)

MELHOR ROTEIRO: Chico Teixeira, Sabrina Anzuategui e César Turim  (“Ausência”)

MELHOR ATOR COADJUVANTE: Otávio Muller (“Um Homem Só”)

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE: Fernanda Rocha (“O Último Cine Drive-In”)

MELHOR TRILHA SONORA: Alexandre Kassin  (“Ausência”)

 


LONGAS LATINO-AMERICANOS

Festival de Gramado 2015
Equipe do filme “La Salada”. Foto: Cleiton iele/Agência PressPhoto


Melhor Filme: “LaSalada” (Juan Martin Hsu)

Prêmio do Juri: “La Salada” (Juan Martin Hsu)

Juri Popular: Ella” (Libia Stella Gomez)

Melhor Diretor: Kiki Alvarez (“Venecia”)

Melhor Ator: Gilberto Barraza (“En La estancia”)

Melhor Atriz: Claudia Muñiz, Marianela Pupo e Maribel Garcia Garzon (“Venecia”)

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário