Comediante Jerry Seinfeld monopoliza fraco “BEE MOVIE – a história de uma abelha”

Bee Movie

Bee Movie posterBEE MOVIE, A HISTÓRIA DE UMA ABELHA (Bee Movie). Animação, Livre. Vozes (em inglês) de Jerry Seinfeld, Renée Zellweger, Matthew Broderick, Patrick Warburton, John Goodman, Chris Rock. Duração 01h30min.

Essa nova animação da DreamWorks (mesmo estúdio de Shrek) conta com roteiro do comediante americano Jerry Seinfeld (do famoso seriado de TV de mesmo nome). Para divulgar o filme, Seinfeld chegou a pular de um prédio durante o Festival de Cannes fantasiado de abelha. Por isso o roteiro, como é de se esperar, tem várias piadas (nem todas engraçadas), e muitas delas são trocadilhos com a palavra “bee”, que em inglês tem som próximo do verbo “to be” (ser) e da própria letra “B”.

Todas as abelhas são muito trabalhadoras, mas fazem o mesmo trabalho, todos os dias. Mas ao contrário de todo o enxame ao seu redor, o recém-adulto Barry B. Benson (voz original do próprio Jerry Seinfeld) não se conforma em ter de fazer sempre a mesma tarefa até o resto de sua vida. E ao procurar algo que realmente o atraia, ele consegue sair da colméia e conhecer a cidade (e os humanos), algo que só um grupo de elite entre as abelhas normalmente teria direito.

Bee Movie

Boa premissa de Bee Movie é desperdiçada com estória idiota

Apesar dos inúmeros perigos que uma abelha corre no mundo exterior, Barry conhece e faz amizade com Vanessa (voz de Renée Zellweger), uma amável dona de floricultura. Demora um pouco para ela aceitar que as abelhas falam a nossa língua, mas a relação entre os dois logo decola. Neste intercâmbio cultural entre espécies, ele descobre que todo o mel produzido pelas abelhas está sendo vendido sem que os pobres insetos sejam recompensados por isso, e decide, então, processar a humanidade.

Nem pense em levar as crianças para ver o filme, que investe mais nos diálogos do que em situações visuais para tentar entreter. Na verdade há poucos momentos inspirados, e o filme tem uma aura de auto-importância irritante (que aliás é própria do comediante Jerry Seinfeld). Não há idéias originais em sua execução e o excesso de referências à mídia norte-americana faz Bee Movie ser uma animação mais para “americano ver”. Certamente não é um filme universal como os trabalhos da Pixar, a maior concorrente da DreamWorks.

 

Assista o trailer da animação BEE MOVIE (dublado):

Bee Movie: A História de uma Abelha - Trailer dublado

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário