20 atores preferidos:
8º lugar – DUSTIN HOFFMAN

Dustin Hoffman

Depois de seis anos atuando em seriados de TV, em 1967 Dustin Hoffman recebeu o convite do diretor Mike Nichols para protagonizar seu primeiro longa-metragem, A Primeira Noite de um Homem, onde ele tinha 30 anos de idade e aparecia pela primeira vez no cinema, interpretando um jovem de apenas 21 anos que acabava de receber seu diploma e era seduzido e iniciado sexualmente por uma mulher de meia-idade (Anne Bancroft), ao mesmo tempo em que se apaixonava pela filha desta. O talento de Hoffman se fazia presente logo nesse seu primeiro trabalho, pois ele já recebeu sua primeira indicação ao Oscar por sua atuação nesse filme.

Daí em diante foram inúmeros sucessos, sempre buscando a excelência como ator, participando de diversos gêneros de filmes, como Papillon, Tootsie, Rain Man veja a seguir um resumo de sua vasta carreira:

  • Dustin Hoffman (The Graduate)recebe sua primeira indicação ao Oscar logo no seu filme de estréia, A primeira noite de um homem, de 1967. Mike Nichols levou a estatueta de diretor (e Hoffman perdeu para Rod Steiger, por No calor da noite)
  • dois anos depois, segundo filme e segunda indicação ao Oscar, por Perdidos na Noite. Curiosamente o diretor deste filme também levou a estatueta de direção (John Schlesinger) como ocorrera no filme anterior (Hoffman perdeu para John Wayne por Bravura Indômita)
  • em 1973 obteve grande sucesso e repercussão mundial com o clássico Papillon, em que fez dupla com Steve McQueen
  • sua interpretação do comediante Lenny Bruce, um dos humoristas mais famosos das décadas de 1950 e 1960 nos EUA, lhe valeu a terceira indicação ao Oscar, em 1974, por Lenny (perdeu para Art Carney, por Harry e Tonto)
  • emplacou dois sucessos no mesmo ano, em 1976: Todos os Homens do Presidente, sobre o caso Watergate que fez o presidente Nixon renunciar, e Maratona da Morte, em que interpretava um judeu que teve o irmão assassinado por nazistas
  • na sua quarta indicação, finalmente veio o primeiro Oscar, por Kramer versus Kramer, de 1979
  • Dustin Hoffman (Tootsie)talvez um dos seus maiores sucessos, Tootsie, realizado em 1982, em que fazia um ator desempregado que se traveste de mulher para trabalhar na TV, lhe rendeu sua quinta indicação ao Oscar de melhor ator (perdeu para Ben Kingsley, por Gandhi)
  • o segundo Oscar veio com a interpretação de um autista em Rain Man, de 1988, outro grande sucesso de sua carreira
  • faz o vilão em Hook – a volta do Capitão Gancho, de 1991, em filme dirigido por Steven Spielberg
  • a última indicação ao Oscar veio em 1997 na comédia Mera Coincidência, em que trabalhou com Robert de Niro (perdeu para Jack Nicholson, por Melhor é Impossível)
  • a partir daí passa a selecionar mais seus trabalhos. Um sucesso recente foi o thriller de tribunal O Júri, de 2003
  • faz o pai de Ben Stiller na comédia Entrando numa fria maior ainda, de 2004, filme que lhe rendeu o prêmio de melhor interpretação cômica no MTV Movie Awards

Ao longo de sua carreira, Dustin Hoffman recebeu sete indicações ao Oscar de melhor ator, tendo ganho o prêmio por duas vezes. Em 2007 ele completou 70 anos de idade e 40 anos de carreira. Sem dúvida, um dos atores mais versáteis de hollywood e inegavelmente também um dos mais simpáticos.